Ortodoxos no Brasil

Religião

Use um leitor de QR code ou acesse https://app.vc/igrejaortodoxa pelo celular

Você quer ter o SEU app ?
Aqui na Fábrica de Aplicativos você não precisa saber programar, é rápido e fácil
Clique aqui e comece já!

História da Igreja no Brasil
Como uma Igreja tão antiga e de tão longe chegou até aqui? Por que brasileiros, sem nenhuma origem oriental, podem hoje ser fiéis e clérigos da Igreja Sirian Ortodoxa? Quando começou? Quem trouxe? O texto abaixo conta parte da história da Igreja Sirian Ortodoxa de Antioquia no Brasil e de como seu trabalho missionário, iniciado por Mor Crisóstomos Salama, abriu as portas da genuína fé cristã para todos nós.
A Igreja Sirian Ortodoxa de Antioquia (Igreja Ortodoxa Siríaca) está presente no Brasil desde 1950 com a presença dos imigrantes das primeiras colônias sírias e suas primeiras comunidades religiosas. Esse ramo tradicional das Igrejas de imigração fora estabelecido com a construção da primeira Paróquia de São João Batista, em São Paulo, em 1951. Mais tarde, em 1959, inaugurou-se a Paróquia de São Pedro, em Belo Horizonte, MG. Nos anos de 1962, foi lançada a pedra fundamental da Catedral de São Jorge, em Campo Grande – MS. No ano de 1981, inaugurou-se, também em São Paulo, a última Igreja dita “de colônia” com o nome de Igreja Sirian Ortodoxa Santa Maria. Atualmente, o Delegado Patriarcal das “paróquias das colônia” é o Monsenhor Antonio Nakkoud.
Somente em 1983, pelo iniciativa de Mor Crisóstomos Moussa Salama (então delegado patriarcal) de abrir a Igreja Sirian Ortodoxa aos brasileiros sem ascendência oriental, é que criou-se uma missão no Brasil.

Denunciar este App Suporte